Programa Global “Quem Quer Ser Um Milionário?” liderado pelo apresentador Luciano Hulk e uma pergunta peculiar de quem possui em seu portfólio, criptomoedas como investimento


1 min de leitura
15 Dec
15Dec

Reprise? “Quem quer ser um milionário?”, comandado por Luciano Hulk, mais uma vez dispara uma pergunta relacionada a criptomoedas para desafiar seus participantes. 

Diferente da primeira vez, a pergunta era sobre quais das opções não era o nome de uma criptomoeda.

Dentre as opções estavam Ethereum, Dash, Monero e Naira. O participante, Guilherme Albuquerque não sabia a resposta, ele demonstrou já ter ouvido apenas sobre a Dash.

“Monero me lembra um pouco “monetário”, Naira não faço a mínima ideia, Dash não me é estranho, e Ethereum!?, Vou pedir ajuda”

Após pedir ajuda sobraram duas opções, Naira e Dash. Em um ato de coragem ele decidiu chutar na Naira (visivelmente tenso) e acertou, ganhando R$ 100 mil e avançando para as próximas perguntas.

“Esse Dash não me é estranho, vou arriscar, se não for a resposta certa, já consegui um dinheiro muito bom”

Não é a primeira vez que o famoso programa da Globo faz pergunta sobre criptomoedas, ainda em julho deste ano Luciano perguntou a outro participante quem era o criador do Bitcoin, na ocasião, Jorge Rodrigues errou e acabou levando metade do prêmio (R$ 50 mil).

O programa “Quem quer ser um milionário?” é conhecido no mundo todo por fazer perguntas onde os participantes podem ganhar até um milhão caso consigam responder todas corretamente. O programa é similar ao antigo “Show do Milhão”, comandado por Silvio Santos.

Guilherme deu mais sorte, acertou no chute e avançou no programa, ficando com R$ 100 mil na mão.

Atualmente existem mais de 7000 criptomoedas, então é bem possível tornar esta pergunta um pesadelo até para quem acompanha o mercado diariamente.

Duas perguntas sobre criptomoedas no programa em um ano revela uma tendência que pouca gente percebeu: Criptomoedas não são mais moeda de hacker ou coisa de investidor, elas são o futuro do dinheiro e estão se tornando assunto de conhecimento fundamental.

Veja o vídeo abaixo: